China altera características de personagens da Bíblia para distorcer

  • 14/11/2019
  • 0 Comentário(s)

China altera características de personagens da Bíblia para distorcer

A luta do Partido Comunista da China (PCC) contra o avanço do cristianismo no país continua criando novas estratégias de repressão. Dessa vez, a investida do regime é contra a originalidade das histórias da Bíblia, visando distorcer o seu conteúdo a fim de produzir narrativas mais próximas ao que o governo considera aceitável.

Essa informação foi publicada recentemente pela organização internacional Bitter Winter em um novo relatório, citando como exemplo a revista Heavenly Wind’ (‘Vento Celeste’), que traz a figura de personagens com a aparência de chineses antigos, isto é, em um contexto geográfico bem diferente dos locais por onde Jesus ensinou.

Personagens como Maria são retratados com roupas chinesas e cabelo preso, “personificada como uma antiga mulher chinesa”, enquanto Jesus aparece vestindo trajes tradicionais Han.

Um cristão local de 70 anos informou à Bitter Winter que já tinha o conhecimento de que o Partido Comunista não autorizava a crença dos chineses em um Deus estrangeiro, “mas eu nunca esperava que o Senhor Jesus e os santos através dos tempos fossem transformados em chineses”, disse ele.

“Meus olhos se arregalaram quando vi Maria com o cabelo preso em um coque, como uma antiga chinesa. Isso é muito bizarro”, completou o ancião. Ainda segundo a Bitter Winter, o que a China comunista fazia no passado contra os cristãos, matando-os publicamente, hoje está fazendo através da distorção da sua doutrina.

“É como matar alguém com uma faca invisível”, disse um pregador local. “Durante a Revolução Cultural, se você acreditasse em Jesus, o Partido Comunista o prenderia e mataria a céu aberto. Agora, o regime está gradualmente distorcendo a doutrina cristã em segredo.”

A organização de vigilância cristã confirma esse relato, explicando que “substituir a Bíblia e distorcer os ensinamentos bíblicos” através de narrativas ideológicas e a inclusão de filosofias seculares, como a do filósofo chinês Zhu Bolu (1617-1688), lado-a-lado aos escritos sagrados cristãos, é a grande investiga do regime atual.

“O PCC está substituindo as palavras de Deus por padrões morais humanos, distorcendo secretamente a doutrina e corroendo os fundamentos da fé cristã. Esta é uma abordagem verdadeiramente sinistra. Somente o diabo faria uma coisa dessas”, conclui o ancião.

fonte https://noticias.gospelmais.com.br/

0 Comentários


Deixe seu comentário


Aplicativos


Locutor no Ar

AutoDJ

Piloto Automático

Peça Sua Música

Nome:
E-mail:
Seu Pedido:


Top 5

top1
1.

top2
2.

top3
3.

top4
4.

top5
5.

Anunciantes